Ir para conteúdo
GPS Clube

luizcarlosgps

Colaborador
  • Total de itens

    99
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    19

Tudo que luizcarlosgps postou

  1. Grande Xamanian! Pelo visto a Covid não lhe pegou...como não pegou a mim (até agora). Eu até havia baixado a UX em questão, mas não funcionou. A opção ficou desabilitada nas configurações. Mas como ficam as pastas? Todos os mapas e demais arquivos ficam em pastas compartilhadas? Ou é igual ao Mapchanger tradicional, com uma pasta para cada mapa, uma para cada POI, etc? Abraços
  2. Olá Galera! Alguém se lembra dos procedimentos para instalar a UX Mapchanger no Primo 2.xx? Eu usava até hoje o Mapchanger tradicional, que vem desde o iGo 8, e resolvi mudar, pois agora só há mesmo duas opções de mapa. Como ficam as pastas map, etc? E os outros arquivos, das pastas Building, Poi, etc? Abs
  3. Eu uso o TMC via rádio FM nos meus três aparelhos Magellan desde que os comprei, em 2011, se não me falha a memória. Na cidade do Rio de Janeiro as rádios CBN em 92,5 MHz e a Globo em 98,1 MHz transmitem informações que o receptor do aparelho capta e o iGo Primo apresenta na rota ou em toda a cidade. Só usando o mapa HERE é que o Primo fornece o TMC. Com mapa da TomTom nada feito. Abs
  4. Rijove Drive Services File (.fds) -iGO\Content\Map Para nós, pobres mortais, que usamos um GPS "shiling", o arquivo FDS não serve para nada. Já para quem tem um moderno Audi, BMW ou Daimler, o FDS interliga o carro ao dispositivo GPS, monitorando seu comportamento, melhorando o desempenho, atuando na potência, suspensão, estabilidade, economia, etc. O arquivo spc é um arquivo onde constam os radares. Mas o arquivo do maparadar que contém radares e mais algumas coisas são melhores e mais atualizados. Abs
  5. Olá pessoal. Para quem vem ao Rio de Janeiro, finalmente inseriram no mapa a alça de acesso que permite que se pegue o túnel Marcelo Alencar diretamente do viaduto do Gasômetro, que por sua vez é acessado pela Linha Vermelha. Tive problemas aqui com o arquivo FPA. Com ele instalado o Primo dá erro e encerra o carregamento. Tiro o arquivo citado e o Primo inicializa normalmente. Vou baixar novamente os arquivos para ver se foi problema durante o download. De todo modo, obrigado Facada. Pena que talvez seja o último mapa a ser baixado do Gps Clube.
  6. Eu fiz experiências com várias velocidades. Como o Primo me avisa a distância que falta para o destino, eu já vou diminuindo até quase parar. Com velocidades mais altas o Primo me avisava que eu havia chegado ao destino bem antes de chegar realmente. Em locais com muitos prédios, onde a posição gps se deteriora, cansei de ser avisado bem antes. Mas é questão de gosto. Abs
  7. Boa tarde, Jota. Você usa alguma skin no seu Primo 2.4? Eu uso a Dimka WA v.P171 e nas configurações dela existem vários ajustes que fazem o Primo avisar da chegada ao destino. Na Dimka, deve-se entrar em CONFIGURAÇÕES EXTRAS, CHEGANDO AO DESTINO e ajustar 4 itens: DISTÂNCIA PARA ATINGIR DESTINO: eu uso 10 m; VELOCIDADE NO DESTINO: uso 1 Km/h; ANUNCIAR CHEGADA AO DESTINO: eu marco essa opção e MENU AO ATINGIR DESTINO: escolho a opção SEM MENU. Se você usa outra skin ou não usa skin, não me lembro no momento quais os ajustes. Certamente alguém logo aparece aqui com as dicas que você precisa. Abs
  8. d780, você está enganado. As ruas que você está vendo na imagem (Paraim, Apeaçaba, Cambuí) não são mostradas pela UX TTS by Wiman. Remova a Wiman do seu Primo e tire a prova. Como eu escrevi, a TTS by Wiman só fala coisas, não mostra nada na tela do gps. Esses nomes de ruas que você citou são mostrados pelo próprio Primo. Não é preciso nenhuma UX ou MOD para isso. Abs
  9. Eliseu perguntou: d780 respondeu: d780, a UX TTS by Wiman que eu conheço só faz dizer o nome da rua pela qual estamos passando (não a próxima), o horário de chegada ao destino ou próximo ponto, o nome da localidade, tudo por áudio (daí o nome da UX, "TTS" by Wyman). Existe alguma versão dessa UX que faça realmente o que o Eliseu pretende, isto é, MOSTRAR NO VISOR DO GPS o nome da próxima rua que ele vai pegar? E isso sem saber qual rua ele vai pegar? Caso positivo, informe qual é a versão dela. Na verdade o Eliseu não foi muito claro, pois o nome da postagem fala uma coisa e a pergunta que ele faz é outra completamente diferente. Abs
  10. Eliseu, a sua pergunta não tem lógica. Se existe uma rota, o gps sabe que rua você precisa pegar, então ele indica na tela. Se não existe uma rota, não há como o gps saber qual é sua próxima rua. Concorda? Se você está se referindo às travessas na sua frente, o Primo mostra o nome de todas as ruas, como pode ser visto na imagem abaixo: Abs
  11. Oi Danilo! O que você tentou que não deu certo? Tenho um Magellan 9265 com o Primo 2.4 instalado. Comprei anos atrás e está zerado. Tenho usado o Magellan 5240, de 5 pol, dos quais possuo 2, por ser mais discreto. Tenho nele (no de 7 pol) um cartão SD com dois navegadores, o Primo 2.4 e o NDrive. Mas fui rodar os navegadores hoje e o Primo está com problemas. Só roda redondo no Magellan de 5 pol. Vou tentar resolver o problema e depois posso postar num site e lhe enviar o endereço do pacote com os arquivos necessários (menos o Primo 2.4, que o meu para gps de 7 pol está bichado). Se lhe interessar. Abs
  12. Danilo Mushinski A dica do d780 é válida, desde que você não precise do serviço de informações de trânsito que o Magellan 9255 possui. Esse serviço, o TMC, existente em algumas cidades, permite ao usuário saber onde há congestionamentos. Caso você queira usufruir desse serviço, precisará de algo mais para que o iGo rode essa funcionalidade. Abs
  13. Caro Paulo. Sei bem o que é essa luta que sua esposa (e você, ao lado dela) estão lutando. Tive um câncer em 2017, passei por cirurgia e radioterapia. Estou agora fazendo revisão de 6 em 6 meses, e vivendo a vida com poucas restrições.. A medicina moderna tem muitos recursos. A grande maioria dos casos dessa doença, desde que tratados adequadamente, são curáveis. Abraço e volte quando passar essa fase.
  14. Amigo Xamanian, Nice, Mauricio e demais interessados. Xamanian Acho (não tenho certeza) de que a modificação dos 30 metros citada por mim é coisa de GpsPoint. Coisa lá dos idos de 2014, se não me falha a memória. Nice Mexer nisso é um tanto complicado para iniciantes. Mas sempre se pode aprender, como tudo na vida. Mauricio Eu desisti, há muito tempo, de postar coisas prontas, como vozes, etc. Mas não me abstenho de orientar quem queira modificar alguma coisa no Primo que eu saiba modificar. Antes de qualquer coisa, uma advertência aos novatos: para descompactar e recompactar qualquer arquivo rar dentro do Primo é aconselhável usar o programa Winrar, em versões até a 3.93. Versões mais novas costumam dar problemas. Eu tenho duas versões de Winrar instaladas no computador. Isso porque se alguém compactar qualquer pacote e upar para a internet, quando eu puxar o mesmo, se ele tiver sido compactado com versão mais nova, a 3.93 não vai descompactar e vai acusar erro. Dito isso, vamos lá. A primeira coisa é encontrar o arquivo de voz que queremos modificar. Ele fica na pasta PrimoXX/content/voice, e está compactado no formato zip. Descompactamos o pacotinho zip da voz, usando o Winrar 3.93 e vamos abrindo as sub pastas. Na subpasta config encontramos o arquivo txt config_database.lua. Apesar da extensão lua, ele é um arquivo texto puro, e deverá ser editado usando-se o notepad (bloco de notas) do Windows. Não use nenhum editor como o Word, o qual mexe com formatação do texto. Quando se abre um arquivo txt ou lua pela primeira vez para editar, ele pode estar sem formatação nenhuma, difícil de identificar qualquer coisa. Nessa hora eu uso o Wordpad para colocar tudo em forma. Mas pode-se editar o arquivo database mesmo ele estando sem formatação nenhuma. Mas é mais compllcado. Nesse arquivo texto vamos procurar linhas específicas, que dão os comandos de voz relativos a manobras depois de semáforos. No meu, depois das modificações, ficou assim: L"vire à %1 , à %dist2 , no sinal , %destname . %then5",L"faça uma curva %1 à %2 , à %dist2 , no sinal , %destname . %then5",L"faça uma curva leve à %1 , à %dist2 , no sinal , %destname . %then5",L", faça retorno em U, à %dist2 , no sinal , %destname . %then5", Antes das modificações, essas linhas estavam assim: L"vire à %1 , no sinal . %then5",L"faça uma curva %1 à %2 , no sinal . %then5",L"faça uma curva leve à %1 , no sinal . %then5",L", faça retorno em U, no sinal . %then5", Eu acrescentei à %dist2 para que a voz dissesse à 30 metros e acrescentei posteriormente %destname para ela dizer o nome da rua em que eu deveria entrar depois da manobra. Como existem muitas linhas no arquivo config_database.lua, eu costumo usar o comando editar, localizar e inserir a palavra chave no sinal. Na maioria das vozes está semáforo. Insiro a palavra chave e vou percorrendo o arquivo, tomando cuidado para não mudar nenhuma linha além das 4 que indiquei lá em cima.Isso porque a palavra semáforo vai aparecer em muitas outras linhas, indicando a manobra antecipada. Exemplo: Em seguida, vire a direita no semáforo, ou ainda daqui a 600 metros, faça uma curva leve à direita, no semáforo. Se mudar essas linhas, a voz vai falar coisas desnecessárias. Notem que as 4 frases que serão modificadas podem variar na forma, porém não no conteúdo. Nas vozes modificadas pelo mestre Fidelis, onde a cada manobra a voz fala de maneira diferente, não sei quantas linhas terão de ser modificadas. Nas minhas vozes as ordens de manobra seguem um padrão (tipo na aviação), como eu gosto. Depois de editar o arquivo database citado, fecha-se o mesmo, aceita-se a atualização do arquivo zip e está pronto. O próximo passo é testar a voz em um percurso onde haja manobras em semáforos. ABS IMPORTANTE. Nunca é demais relembrar que, antes de modificar qualquer arquivo de voz, é recomendável salvar uma cópia do mesmo, pois existe sempre a possibilidade de algo dar errado. No caso o arquivo zip da voz que vai ser modificada.
  15. Olá, pessoal. Como alguns aqui sabem, sou um apaixonado por gps, e mais especificamente, por vozes guia de gps. Desde o dia em que eu percebi um erro na voz guia do iGo Primo e resolvi mexer nela, cada vez mais minhas vozes exigiram novas melhorias. Cheguei a compartilhar algumas vozes "made by Pitaco" num fórum antigo, muito conhecido por antigos fãs de gps. Depois resolvi só sugerir melhorias nas vozes que andam por aí. Quando o Primo passou a indicar semáforos (sinais, para os fluminenses), surgiu uma situação que para mim ensejava dúvidas ao motorista. A voz, ao se aproximar de um semáforo, passou a dizer, por exemplo "vire à direita, no sinal". Acontece que muitas vezes existem semáforos muito próximos uns dos outros, e o motorista poderia ficar em dúvida sobre em qual sinal ele deveria efetuar manobras. Encontrei uma solução e postei aqui, para todos os interessados. A voz, depois da minha modificação, passou a dizer a distância até o sinal. 30 metros. Um dia desses surgiu uma nova dúvida. O comando de virar à direita, por exemplo, também deixava dúvidas se houvesse mais de uma rua partindo da interceção onde o sinal está. Pelo menos nas minhas vozes não era citado o nome da via. Introduzi então o nome da rua, A voz, até então, só dizia "a 30 metros, no sinal, vire à direita". Agora ela diz "a 30 metros, no sinal, vire à direita, na rua tal" Se algum dos colegas estiver interessado em fazer essa modificação nas suas vozes (se achar que é interessante) é só dizer. Eu mostro onde mexi e o que modifiquei. Para quem não souber, é claro. Abs
  16. Olá amigos (velhos e novos) De fato, o número de postagens relacionadas aos navegadores (eu não chamaria de offline, pois o GMaps também permite o uso offline) está rareando cada vez mais. Por outro lado, vê-se muitas dúvidas sobre kits multimídias, que não é a minha praia (por enquanto). Eu sempre atualizei os GMaps dos meus smartphones baixando mapas para uso offline. Fiz isso para ter uma outra opção, além do gps dedicado (T500, Magellan, Xingling, etc) que costumo usar ou ter instalado no parabrisa do carro, mesmo trafegando em lugares onde não preciso de gps. Uma coisa que provavelmente vai causar meu afastamento dos aparelhos gps é que eles estão ficando velhos. As baterias dos mesmos já não suportam o uso sem estarem conectados nos carregadores automotivos ou de parede (para testes em casa) e os suportes estão dando xabu. O suporte do meu Magellan 5240, meu preferido (tenho dois, um deles ainda na caixa) começou a soltar do parabrisa, de quando em quando. É muito ruim você estar dirigindo e o gps cair no seu colo. Aí, tendo que ir até um lugar aonde não vou há anos, por garantia, tirei o suporte novo da caixa do gps sem uso, grudei o mesmo no parabrisa e me senti seguro. Depois do carro ficar duas horas no sol, quando voltei, o suporte tinha desgrudado do vidro. Fui instalar ele de novo e a borracha de sucção simplesmente rachou em duas partes. E olha que nunca havia sido usada. Voltei para casa com o aparelho no banco do carro, guiando-me só pela voz guia, e de vez em quando pegando o danado para conferir o mapa. Agora estou aqui tentando adaptar um suporte de outro aparelho para meu Magellan. Mas não está dando certo, pois o gps é relativamente pesado e vibra muito. Não se encontra suportes ou qualquer outro acessório para nossos antigos gps. Importaram, venderam, e agora estamos por conta própria. Já estou até pensando em colar o suporte no parabrisa do carro. Não sei se existe cola que possa ser removida posteriormente sem deixar sequelas. Talvez cola quente? De qualquer forma, no meu carro preferido, um jurássico Monza, posso até substituir o parabrisa no futuro. Abs
  17. Na verdade existe sempre mais de uma solução para a maioria dos problemas...Na vida ou no iGo. No caso a solução ideal seria mexer na cor das letras, já que o fundo (a figura mais escura) acompanha todo o resto da tela no modo noturno. Modo esse que se destina a não ofuscar os olhos do motorista com nada que seja muito claro. Motoristas idosos sentem mais essa ofuscação, que pode inclusive influenciar na perfeita visão da pista, de noite. A solução mais fácil, que adota a solução encontrada pelo Mauricio, mas de maneira radical, seria configurar o Primo para ficar no modo diurno o tempo todo. Só que esse última iria contra toda a lógica de existir modos diurno e noturno. Abs
  18. Barão da luz Se o casal morreu, como depois a mulher deu depoimento na delegacia? Na verdade, o casal sofreu um assalto na avenida Brasil. Não foi dentro de nenhuma favela. Ao ser ameaçado por bandidos, o suíço, que dirigia o carro, não parou. Foi então alvejado. O mesmo encontra-se internado em hospital particular na cidade do Rio de Janeiro. A mulher teve uma das mãos ferida por estilhaços (talvez de vidro) e teve alta. Em qualquer cidade do Brasil, e talvez no mundo, quando um assaltante rende alguém e esse alguém não obedece, normalmente o assaltante atira. Sobre navegadores por gps alertarem usuários sobre áreas perigosas, já existe lei sobre o assunto, obrigando os provedores de mapas a sinalizar essas zonas. Mas, para que essa sinalização seja correta, é necessário que todo cidadão que sofra assalto vá a uma delegacia registrar a queixa. Só assim as autoridades podem fazer um mapa de onde mora o perigo. Sinalizar toda favela como zona perigosa não é correto. Mesmo porque, só na cidade do Rio de Janeiro, temos centenas delas, talvez mais de mil. Tornaria inviável a navegação por gps evitar todas. Como já escreveram os colegas aí em cima, para diminuir a possibilidade de entrar em zona perigosa, deve-se escolher as rotas rápidas ou por vias rápidas. Essas vias, no entanto, normalmente passam perto de comunidades perigosas. As linhas Vermelha e Amarela e a avenida Brasil, por exemplo, são vias rápidas, não cruzam por dentro de favelas, mas são rodeadas por elas em muitos pontos. Como bandidos atualmente usam fuzis, nunca se está livre de levar um teco, mesmo passando longe das brigas ou operações policiais. Mas é melhor do que entrar em ruazinhas para ter uma rota mais curta. Abs
  19. Neo_Hunt Não posso lhe dar nenhuma dica sobre o equipamento citado por você, mas alguma informação posso lhe adiantar -No Rio de Janeiro as rádios CBN (92.5) e Globo (98.1) fornecem dados de trânsito. -Não é preciso nenhuma antena adicional para captar os referidos dados, pois são transmitidos junto com o sinal normal das estações FM -Até onde eu saiba, dependendo do mapa usado, não se tem dados de trânsito. Mapas HERE OK, mapas TomTom não. Uso dados de trânsito no meu gps, mas é um aparelho dedicado (Magellan), com navegador iGo Primo 2.4. Abs
  20. Olá pessoal Existe uma coisa muito importante nesse negócio de gps que não capta sinais de satélite nos navegadores da família igo (igo, amigo e primo), que muita gente não nota. Pelo menos em nenhum fórum sobre gps que eu frequentei foi falado o que eu vou escrever. Existem duas mensagens diferentes sobre o problema do gps não conseguir se localizar no mapa: 1- Aparece o ícone de uma antena de captação de sinal de satélite (parabólica) acompanhado da msg "Detectando receptor de GPS" ou coisa equivalente. 2- Aparece o ícone de um satélite, acompanhado da msg "Procurando sinal de GPS" ou coisa equivalente> Notaram a diferença? No primeiro caso o navegador está tentando se comunicar com o receptor de gps. É nesse caso (e só nesse caso) que entra aquele negócio de porta de comunicação (Com) e velocidade (Baud) Se aparecer a msg do item 2, indicando que o navegador está procurando o sinal de satélite, aí o problema é outro. Se um aparelho ficar muito tempo sem uso, ou sua bateria interna estiver ruim (um dos meus aparelhos está assim), o próprio aparelho perde uma memória sobre os satélites, chamada efemérides. Depois de perder essa memória, o aparelho tem de começar tudo do zero, para definir a posição sobre o mapa, e isso demora muuuuuuuuuuuuuito mais. Terminando, se a msg de erro for "procurando sinal de gps", esqueçam porta e baud. Concentrem-se em procurar um lugar aberto e tenham paciência em esperar. Se o tempo estiver muito fechado, vai demorar muito mais ainda. Se não funcionar, alguma coisa está errada com o hardware. Se for uma central multimídia, a antena do receptor gps pode estar desconectada ou o cabo está com problemas. Abs
  21. Além do que disse o colega Spy, existe um outro problema. Se você estiver usando o mapa HERE e o arquivo de POI da TomTom, está arriscado o local indicado não ser o local real. Isso porque os mapas têm pequenas (ou grandes) diferenças de plotagem. Um POI indicado à esquerda de determinada via pode na verdade estar à direita, o que, em algumas situações, complica demais o trajeto para chegar até ele. Sobre a pouca confiabilidade, acredito que se deva a POIs desativados cuja desativação não foi implementada nos mapas. A única vez em que eu precisei recorrer aos POIs do meu Primo, só depois da quarta tentativa encontrei uma farmácia. As três primeiras não eram farmácias, e algumas nem estabelecimentos comerciais, eram residências. Abs
  22. Pedro Você não especificou qual atualização de 2019 você fez. Se foi atualização de mapa, pode ser que suas configurações de pontos de alerta estejam muito restritivas, isto é, o Priimo só capta e avisa os radares que ele entende estar dentro de um certo perímetro na via. Caso seja isso, sugiro inserir (ou completar , caso já existam) os comandos abaixo no seu sys.txt: [warning]speedcam_max_angle="30"speedcam_max_lookahead="600"speedcam_maxdistance_from_road="20" Se mesmo com os valores acima o Primo continuar a não avisar os radares, sugiro aumentar o da última linha, paulatinamente. Coloca 25 e experimenta. Se não resolver, aumente para 30. O efeito colateral de ter valores muito altos é o Primo avisar que existe um radar, quando o radar na verdade está em uma via paralela muito próxima. Mas eu prefiro ser avisado e não ter radar do que não ser avisado e ter um radar. Abs
  23. Esse negócio de porta "com" em aparelho gps é complicado. Eu uso atualmente dois aparelhos, um Magellan 5240 e um Apontador T-500. Tenho dois cartões MicroSD, nos quais tenho o Primo 2.4. Os dois navegadores são idênticos em ambos os cartões. Eu fiz a coisa de maneira a poder usar os dois cartões em qualquer um dos dois aparelhos. Quando inserido no T-500, aparece o menu original do aparelho, clico em GPS e aparece outro menu, através do qual o Primo é chamado. Quando inserido no Magellan, é acionado um script que ativa o receptor FM de tráfego e logo em seguida um menu, através do qual chamo o mesmo Primo Mas notei que quando usava o cartão do T-500 no Magellan o aviso "procurando receptor gps" ficava ativo o tempo todo. Ou seja, não captava os satélites nunca. Já quando usava o cartão do Magellan no T-500 tudo corria normalmente. O Magellan usa a porta 2 para o receptor de gps, enquanto o Apontador usa a porta 1. Como no arquivo system.ini do Magellan consta porta 2 e no do Apontador consta porta 1, resolvi criar um novo usuário no Primo de ambos os cartões. Criado o novo usuário, fui no system.ini dele e mudei a porta, deixando de acordo com a porta usada pelo respectivo aparelho. Assim, quando eu quisesse usar o cartão do T-500 no 5240, era só mudar o usuário. Inclusive o nome do usuário tem lá escrito Magellan ou T-500. Assim resolvi o problema. Só é preciso, quando trocar o cartão, mudar de usuário. Mas aí descobri uma coisa que me deixou intrigado. Ao inserir o cartão do T-500 no Magellan, como eu esperava, apareceu a mensagem "procurando receptor gps". Mudei o usuário e tudo funcionou. Aí peguei esse mesmo cartão, onde o usuário ativo ainda era para o Magellan, que, repetindo, usa a porta 2, e inseri no T-500. A mensagem não apareceu, ou seja, mesmo estando no system.ini daquele usuário a porta 2, o Primo achou a porta correta, que no T-500 é a porta 1. Mas isso só funciona no T-500. No Magellan, se não constar a porta correta, nada de receptor gps. No sys.txt não tem nenhuma linha indicando porta ou baud. Experimentei colocar a porta no sys.txt e aí, em ambos os aparelhos, o Primo só considera essa porta. Se essa porta não corresponder à porta correta em cada aparelho, nada feito. Seria alguma coisa no hardware? Ou nos arquivos internos do aparelho, fora do Primo? Abs
  24. Lorenci e MagnumSoft O Matt informou logo no início da postagem dele que no System.ini já consta a porta 1 e o baud 57600... Deve estar ocorrendo algo mais. Abs
  25. Talvez alguém aqui modifique uma scheme para que fique do jeito que você gosta. Eu não mexo com isso há anos e já me esqueci como fazer. Essas duas que eu anexei foram mexidas por mim (Pitaco) há muitos anos. Você só precisa escolher a scheme que mais se aproxima do que você quer e dizer quais as cores que deseja para o mapa, etc Pode ser mudado tudo numa scheme. A scheme é justamente um esquema de cores para tudo que aparece na tela do gps. Não me lembro mais como eram as schemes do iGo ou do Amigo, mas o Primo é mais elaborado, e o mapa não apresenta somente uma cor. Tem pontos onde o terreno aparece verde, tem outros onde aparece bege, etc. Geralmente onde tem mato ou grama o mapa fica verde. Abs
×
×
  • Criar Novo...